Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tens a loucura que a manhã ainda te traz

Este blog resume-se, basicamente, aos meus devaneios mentais.

Tens a loucura que a manhã ainda te traz

Este blog resume-se, basicamente, aos meus devaneios mentais.

02
Jun15

O que fizeste de ti?

Catarina Watson.

Dizias nas entrelinhas aquilo que não querias dizer. Olhavas em volta, procuravas por alguma coisa que não sabias muito bem o quê, mas hoje percebes que o que querias mesmo era encontrar-te a ti.

Fizeste-te escrava dos teus pensamentos, dos teus medos e preocupações, tentado que eles não reparassem.Deixaste que a tua força te escorregasse por entre os dedos e, quando a tentaste agarrar, já não conseguiste.

Percebeste que foste tarde demais, que eles viram. Eles viram. Esse foi o principal problema, pensaste tu. Mas não foi. Eles, só lá estavam de passagem. Tu, ter-te-ás a ti, e sempre a ti. Por isso levanta-te, e encontra-te. Eles serão sempre eles, os outros.