Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tens a loucura que a manhã ainda te traz

Este blog resume-se, basicamente, aos meus devaneios mentais.

Tens a loucura que a manhã ainda te traz

Este blog resume-se, basicamente, aos meus devaneios mentais.

22
Ago13

De volta

Catarina Watson.
Eu comecei este blog há já cerca de 2 anos. No início tinha um determinado objectivo, mas acabei por seguir um rumo que nem eu estava à espera. Hoje tenho aqui textos que já não fazem o (...)
11
Mar13

Catadupa interior

Catarina Watson.
Um dia olhas para o Mundo. Começas a perguntar porque é que estás aqui e não além, porque é que te obrigam a pensar cinzento e não te deixam pensar às cores. Questionas tudo, tens (...)
30
Dez12

Um-dó-li-tá

Catarina Watson.
O relógio marca Seis horas. Seis horas disfarçadas pelo precoce anoitecer de inverno. A cidade começa a iluminar-se, aos poucos, entregando-se à pressa rotineira daquelas sombras que por ali (...)
20
Dez12

Dias do ópio

Catarina Watson.
Sorri quando quer chorar, chora quando devia sorrir.  Corre em circulos atrás dela mesma. Perde-se, não se acha.  Quero resgatá-la, mas não vejo nada que a faça flutuar. Ainda a vislumbro (...)
19
Out12

Do esotérico

Catarina Watson.
Hoje estive um bom bocado a falar com a P. «Falar», que é como quem diz «escutar». Porque a conversa passou-se basicamente entre ela e a R. e eu assisti aquilo tudo, abanando a cabeça de (...)